segunda-feira, 3 de abril de 2017

Resenha: O Refúgio do Marques - Lucy Vargas * Editora Charme*



"Agora você é meu refúgio e, com certeza, o mais belo".Henrik e Caroline não poderiam ser mais diferentes. Ele, o Marquês de Bridington, é um homem selvagem e inapropriado, que vive há anos no campo, fugindo dos fantasmas do seu passado obscuro e repleto de segredos.Ela, Caroline Mooren, a Baronesa de Clarington, é uma jovem destemida, com um passado doloroso, que recebe a missão de reformar a mansão e talvez o marquês, ao menos é o que a marquesa viúva espera. Ele é um caso perdido. Ela é uma mulher com um futuro incerto. Mas juntos, eles se completam e acendem a chama da paixão, que ambos acreditavam estar completamente extinguida, trazendo à tona segredos e temores que ambos escondem.Se reerguer sob o peso do passado será uma batalha que ultrapassará os limites do refúgio que o marquês pensa ter construído, mas será que o amor é capaz de ultrapassar tantas barreiras e vencer, ou eles perderão tudo outra vez? 

Título: O Refúgio do Marquês *Autora: Lucy Vargas* Editora: Charme*Onde comprar? Saraiva | Loja da EditoraGênero: Romance de época* Skoob

Caroline Mooren é uma jovem viúva de 26 anos. Após um casamento forçado, tornou-se a baronesa de Clarington, título esse que carregou por pouco tempo. A morte precoce do esposo à deixou na rua da amargura, dependendo da caridade de uma prima distante.


"Fazia muito tempo que eu não sentia nada, Caroline. E você mudou isso de todas as formas, irritando-me, instigando-me, aborrecendo-me, divertindo-me. Eu sou o culpado."





A marquesa de Bridington é uma senhora de língua afiada. Decida e astuta, propôs a Caroline que cuidasse da sua casa de campo, onde vive seu filho, que segundo ela, deixou o lugar a mercê.


Bright Hall é uma mansão enorme que está a ruínas.Entretanto, os jardins abandonados, o interior sujo e a falta de funcionários será o menor dos problemas que Caroline terá que resolver.


Henrik, o marquês de Brindington, não está nada satisfeito com sua nova "convidada" e pede para ela se retirar diversas vezes, entretanto, a mocinha não se intimida fácil e prossegue com sua missão.


Colocar tudo em ordem não será uma tarefa fácil para Caroline. Mas aos poucos ela vai descobrir que mesmo onde tudo parece perdido uma nova história  pode começar.


O refúgio do Marquês sem dúvidas se tornou um dos meus romances históricos mais queridinhos. Com um ar de A Bela e a Fera, a história vai sendo nos contada, Caroline, uma mulher linda,  carrega as dores de uma relação sem amor, e isso a torna decidida e objetiva, seu único intuito é por tudo no lugar,mesmo sendo muito exigente às vezes. Ela tem um bom coração e se apega aos moradores da casa. 


Henrik, apesar de se mostrar bruto e sem nenhum senso de etiqueta, se mostra forte, cuida sozinho da sua filha e tem que lidar com as loucuras de sua esposa. Isso acabou fazendo que ele perdesse a vontade de viver, ele se apagou, e tornou um homem mal cuidado e pouco sociável, apesar disso as marcas do tempo e do sofrimento não conseguem esconder o belo homem que foi...


Mesmo um não suportando o outro aos poucos eles vão se apaixonando, de uma forma gradativa.


Os romance é leve e divertido e foi flui de maneira gostosa.


A capa é muito bonita, e foi o que mais me chamou a atenção para a leitura.  As páginas são amareladas e a fonte grande, o que permitiu a leitura ser bem agradável.






"Agora você é meu refúgio e, com certeza, o mais belo".
 Aos poucos ela vai descobrindo que muitas coisas na casa estão fora do lugar. A esposa do marquês, que apesar de sua sogra dizer que estava a beira da morte, parece estar longe de ser uma pobre moribunda, e suas loucuras constantes parecem ser parte da rotinas da casa.E Lygia,  filha do casal, que fora praticamente abandonada na casa de uma senhora que mal a alimentava.




“– Eu já li tanta coisa na vida, Caroline. Para alguém como eu, sempre à procura de um refúgio, a leitura é o mais alto castelo existente.”
Para todas as amantes de romance históricos (assim como eu) o livro esta mais do que recomendado! Peguem suas luvas e chapéus e se aventurem no refugio do marquês!!


2 comentários :

  1. Primeiro: amei a capa e as suas fotos. Segundo: amo esse tipo de livros, devoro em menos de um dia!

    sonhoseaventurasdeamor.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Oi, tudo bem?
    Eu não costumo ler muito livros assim, mas fiquei curiosa com a história e já simpatizei com a marquesa, porque adoro gente de língua afiada kkkkkk Mas pela sua resenha os outros personagens também são ótimos, então acredito que é um bom livro.

    Beijos :*
    Larissa - srtabookaholic.blogspot.com

    ResponderExcluir



© | 2015 | Mais um livro na estante | Todos os direitos reservados |